ENVIAR A UMA AMIGO

X

EDPR inicia construção do seu primeiro projecto solar fotovoltaico

EDPR inicia construção do seu primeiro projecto solar fotovoltaico

A EDP Renováveis, S.A. (“EDPR”) iniciou a construção de 39 MW de projectos solar fotovoltaicos (Solar PV) na Roménia, executando uma das suas opções de crescimento anunciada no Dia do Investidor em Maio de 2012. A construção dos projectos é espectável estar concluída no primeiro trimestre de 2013.

A execução desta estratégia foi possível devido ao desempenho da equipa local da EDPR, com um elevado conhecimento do mercado romeno, e à relação com o parceiro local, o Grupo Renovatio.

O mercado Romeno de energia solar:

  • Esquema remuneratório: a remuneração é baseada num sistema de certificados verdes (“CV”) no qual, para além do preço da electricidade, os projectos de energia Solar PV recebem 6 CV por cada MWh gerado nos primeiros 15 anos de operação. Os CV são negociados num mercado regulado que define preços máximo e mínimo para os CV. Para 2012, o preço máximo foi definido em €56 e o preço mínimo em €28 sendo anualmente actualizados de acordo com a inflação da zona euro. O actual esquema remuneratório foi previamente aprovado pela Comissão Europeia e implementado em finais de 2011;
  • Potencial do Mercado: Com apenas 2 MW de energia solar instalados (2011), o mercado solar romeno está numa fase inicial de desenvolvimento. De acordo com o Plano de Nacional Acção para as Energias Renováveis (PNAER) da Roménia, é expectável que a capacidade Solar PV alcance 260 MW em 2020 (representando c1% da produção de energia renovável esperada em 2020);
  • Exposição Solar: os projectos estão localizados na região Sudoeste da Roménia, uma das zonas com maior exposição solar do país. Em resultado da sua localização privilegiada, a EDPR espera obter um factor de utilização de c15%, ou c1.200h horas de utilização anuais.

Com este anúncio, a EDPR antecipa a execução de uma decisão estratégica de selectivamente diversificar as suas fontes de energia renovável, inicialmente esperada para 2014-15.
Esta informação ao mercado e ao público em geral é efectuada nos termos e para os efeitos do disposto no artigo 248.º do Código dos Valores Mobiliários.