ENVIAR A UMA AMIGO

X

Energia eólica marinha: A GDF SUEZ, a EDP Renováveis, a Neoen Marine e a AREVA apresentam as suas propostas para as zonas de Le Tréport e das ilhas de Yeu e Noirmoutier

Energia eólica marinha: A GDF SUEZ, a EDP Renováveis, a Neoen Marine e a AREVA apresentam as suas propostas para as zonas de Le Tréport e das ilhas de Yeu e Noirmoutier
  • 6 000 postos de trabalho para os territórios em França
  • Alimentação elétrica anual de 1,6 milhões de lares
  • Inovação tecnológica com o único aerogerador francês de 8 MW

 A GDF SUEZ, a EDP Renováveis, a Neoen Marine e a AREVA apresentaram hoje ao estado francês a documentação para a instalação e exploração de 1000 megawatts (MW) de parques eólicos marinhos nas zonas de Le Tréport (Haute-Normandie – 500 MW) e nas ilhas de Yeu e Noirmoutier (Pays-de-la-Loire – 500 MW). A produção estimada destes parques permitirá produzir a electricidade equivalente a 1,6 milhões de lares até 2021.

 A GDF Suez, a EDP Renováveis, a Neoen Marine e a Areva pretendem desenvolver os seus projetos a partir de uma rede industrial local rentável e estável, mantendo uma estreita ligação com as partes locais interessadas. Estes projetos preveem assim um acompanhamento dos pescadores e das soluções concretas em termos de preservação do ambiente e da paisagem. Enquanto líderes no setor das energias renováveis e com participação em 25 projetos eólicos offshore, os parceiros apoiam-se na sua experiência e conhecimentos complementares, desde a realização de grandes projetos industriais e obras no mar até às análises técnicas.

 

Projetos fomentadores de atividades e empregos em França

A implantação dos dois parques eólicos irá mobilizar cerca de 6 000 postos de trabalho diretos e indiretos, envolvendo numerosas empresas locais. Os parceiros do consórcio, com o apoio das associações e das câmaras de comércio e de indústria relacionadas associam-se assim a cerca de 450 empresas situadas na Normandia, na Picardia, na Bretanha e em Pays-de-la-Loire, sobretudo em Vendée. Esta rede irá constituir a base da fileira industrial francesa da energia eólica marinha.

 Estes projetos apoiam-se igualmente no desenvolvimento dos portos regionais. No porto de Havre, serão implantadas quatro fábricas para a produção de turbinas, hélices e outras componentes-chave dos aerogeradores (rolamentos, multiplicadores, geradores…). Além disso, os portos de Havre e de Saint-Nazaire irão constituir pontos de apoio para a construção dos parques no mar. Por fim, serão instalados centros de exploração e de manutenção nos portos de Dieppe e de Le Tréport, tal como nas ilhas de Yeu e Noirmoutier, mobilizando, também, nestas áreas empregos 100% locais.

 

O aerogerador marítimo francês mais potente

A GDF SUEZ, a EDP Renováveis e a Neoen Marine escolheram o novo aerogerador AREVA de 8 MW, fabricado em França. Ele permite uma produtividade e rendimento mais elevados, uma redução do número de aerogeradores nos parques de cerca de 40% e uma maior compatibilidade com as atividades de pesca. Este aerogerador oferece também a vantagem de reduzir os tempos de construção e de otimizar a manutenção dos parques eólicos.

 Este aerogerador de 8 MW conjuga a experiência industrial e a fiabilidade reconhecida da plataforma tecnológica da AREVA no domínio da energia eólica marinha.

 

A inovação no coração do dispositivo

A Investigação e Desenvolvimento constitui parte integrante das propostas apresentadas. Os parceiros iniciaram, assim, colaborações com as universidades e institutos de investigação locais para constituir uma rede de energia eólica marinha em França, exportável em breve para o mundo.

 

 Sobre a GDF SUEZ

O crescimento responsável é uma máxima em todos os negócios da GDF SUEZ (eletricidade, gás natural, serviços), indispensável para superar os grandes desafios energéticos e ambientais: responder às necessidades de energia, garantir a segurança do fornecimento, lutar contra as alterações climáticas e otimizar a utilização dos recursos.  O Grupo propõe soluções eficazes e inovadoras a particulares, a cidades e a empresas, beneficiando de uma carteira de fornecimento de gás diversificada, um parque de produção elétrica flexível e com poucas emissões de CO2 e uma experiência única em quatro setores-chave: gás natural liquefeito, serviços para a melhoria da eficiência energética, produção independente de eletricidade e serviços ambientais.  A GDF SUEZ conta com 219 300 colaboradores em todo o mundo e em 2012 registou lucros de 97 000 milhões de euros.  O Grupo está cotado nas bolsas de Paris, Bruxelas e Luxemburgo e está presente nos principais índices internacionais:  CAC 40, BEL 20, DJ Euro Stoxx 50, Euronext 100, FTSE Eurotop 100, MSCI Europe, ASPI Eurozone, Vigeo World 120, Vigeo Europe 120 e Vigeo France 20.

 

Sobre a EDP Renováveis

A EDP Renováveis (Euronext: EDPR), com escritórios centrais em Madrid, Espanha, é líder mundial no setor das energias renováveis e o terceiro maior produtor mundial da energia eólica. Com uma sólida carteira de projetos em desenvolvimento, ativos da mais alta qualidade e uma capacidade de exploração líder do mercado, a EDPR tem protagonizado um significativo desenvolvimento nos últimos anos e já está presente atualmente em 11 mercados internacionais (Bélgica, Brasil, Canadá, Espanha, Estados Unidos, França, Itália, Polónia, Portugal, Reino Unido e Roménia).  A Energias de Portugal, S.A. (“EDP”), principal acionista da EDPR, é uma empresa de energia internacional, líder em criação de valor, inovação e sustentabilidade.  A EDP é o maior grupo industrial português e a única empresa portuguesa que integra os índices de sustentabilidade Dow Jones Sustainibility Index (World e STOXX).

 

Sobre a Neoen Marine

A Neoen Marine, especialista francesa em desenvolvimento de projetos no âmbito da Energia Marinha Renovável (EMR), conta com uma experiência reconhecida no domínio dos desafios ambientais e técnicas dos projetos de energia eólica marinha. O seu forte carácter local e territorial permite-lhe tomar em consideração as perspetivas dos utilizadores, da população e dos órgãos locais de modo a tornar estes projetos atrativos, harmoniosos e responsáveis. A Neoen Marine é uma filial em 20% da Caisse des Dépôts e em 80% do produtor de energia independente francês neoen. Presente em França e em Portugal com uma carteira de ativos de cerca de 200 MW, a neoen tem como objetivo alcançar uma carteira diversificada e complementar de 1000 MW de ativos por 2016 e afirmar o seu posicionamento em mercados de elevado potencial, como a América Central, a América do norte, África e Austrália.

 

Sobre a AREVA

A AREVA fornece aos seus clientes soluções de alta tecnologia para produzir energia com menos CO2. A experiência do grupo e a sua exigência absoluta em matéria de segurança, proteção, transparência e ética tornam-na um nome de referência na sua área de atuação, em que o desenvolvimento responsável está ancorado numa lógica de progresso contínuo.

Número 1 mundial no setor nuclear, a AREVA propõe aos eletricistas uma oferta integrada única que abrange todas as etapas do ciclo do combustível, a conceção e a construção de reatores nucleares e os serviços para a respetiva exploração. O grupo investe fortemente a sua atividade na área das energias renováveis – eólica, bioenergia, solar, armazenamento de energia – para se tornar o líder europeu neste setor.

Graças a estas duas grandes propostas, os 46 000 colaboradores da AREVA contribuem para fornecer ao maior número de pessoas possível uma energia cada vez mais segura, honesta e económica.

 

Contactos de Imprensa:

GDF SUEZ
Teléfono (Francia): +33 (0)1 44 22 24 35
Tel. (Bélgica): +32 2 510 76 70
E-mail: gdfsuezpress@gdfsuez.com

EDP Renováveis  
Raquel Mendes:
Tel.: +34 902 830 700
E-mail: Raquel.mendes@edpr.com

Neoen Marine
Isabelle Bouy
Tel. (Francia): +33 (0)6 50 17 18 19
E-mail: isabelle@trium-rp.com

AREVA
Teléfono (Francia): +33 (0)1 34 96 12 15
Correo electrónico: press@areva.com