ENVIAR A UMA AMIGO

X

NEO adquire 1.022 MW de projectos eólicos

NEO adquire 1.022 MW de projectos eólicos

A NEO – Nuevas Energías del Occidente, SL (“NEO”), empresa do Grupo EDP para o desenvolvimento de projectos no sector das energias renováveis, adquiriu hoje a “Relax Wind Parks”, um conjunto de projectos para o desenvolvimento de parques eólicos na Polónia, por €54 milhões acrescidos de um “success fee” médio de €40.000 por megawatt.

Os projectos eólicos objecto desta transacção têm uma capacidade total bruta de 1.022 MW e encontram-se em diferentes fases de desenvolvimento – o primeiro parque eólico deverá dispor de uma capacidade instalada de 120 MW e tem a sua entrada em operação prevista para o final de 2009. Para este primeiro parque está já assegurado um contrato de entrega de turbinas. Prevê-se que o remanescente da capacidade a instalar venha a entrar em operação entre 2010 e 2013.

As sociedades adquiridas têm uma equipa de gestão experiente e de qualidade com elevado conhecimento do sector eléctrico, em particular do sector das renováveis na Polónia e dos principais operadores locais, mantendo-se na gestão destes projectos na Polónia.

A Polónia é um dos países da Europa Central e de Leste com maior potencial de crescimento no sector das energias renováveis, tendo como objectivo que 10,4% da energia consumida no período 2010-2014 seja proveniente de fontes de energia renovável. Esta meta deverá representar cerca de 4.000 MW de capacidade eólica instalada em 2014. Existe um enquadramento regulatório estável que permite uma melhor caracterização das condições de operação.

Esta operação integra-se no âmbito do cumprimento pela EDP dos objectivos estratégicos definidos para o negócio das energias renováveis. A entrada do Grupo EDP no mercado polaco das energias renováveis destina-se a permitir a criação de uma plataforma adicional de crescimento e de um ponto de partida para a expansão deste negócio na Europa de Leste. Esta aquisição visa permitir à EDP ser um dos líderes na Polónia, mercado que tem hoje uma capacidade instalada de cerca de 200 MW de energia eólica, e bem assim prosseguir a consolidação do crescimento do negócio das energias renováveis, em particular após 2010.

Nesta transacção, o Deutsche Bank e o Millennium bcp actuaram como assessores financeiros da EDP e a Gonçalves Pereira, Castelo Branco e Associados, RL e a Gleiss Lutz Pietrzak Siekierzynski Sp. k. como assessores jurídicos.