A EDPR implementou um sistema de armazenamento ligado a um parque solar

edpr news

bess_bailesti

A EDPR implementou um sistema de armazenamento ligado a um parque solar

Segunda-feira 02, Dezembro 2019

O sistema de armazenamento de energia em bateria (BESS) situa-se junto ao parque fotovoltaico Bailesti, na Roménia.

Madrid, 02 de dezembro de 2019: A EDP Renováveis S.A. («EDPR»), líder no sector das energias renováveis e um dos produtores de energia eólica mais importantes do mundo, implementou um sistema de armazenamento de energia em bateria (BESS, na sua sigla inglesa) ligado ao parque solar fotovoltaico de Bailesti na Roménia.

Trata-se da primeira estação de armazenamento de energia associada a um parque solar implementada pela empresa; previamente, já tinha implementado outra estação ligada a um parque eólico no mesmo país. O sistema irá permitir que, quando haja um excesso de produção, as baterias sejam carregadas e, quando a geração se encontrar abaixo do esperado, a energia armazenada seja utilizada para fornecimento aos consumidores.

Duarte Bello, COO da EDP Renováveis EU&BR, destacou o seguinte: «Este projeto implica a materialização de um avanço na modernização das estações de armazenamento de energia. Este é um ponto de viragem no mercado energético já que transforma fontes de energia renovável, tais como a eólica ou a solar, em fontes de energia constantes e, por extensão, mais eficientes e previsíveis.»

Nesta linha, este sistema de armazenamento de energia do parque de Bailesti destaca-se por estar instalado diretamente para corrente contínua (CC), de forma a garantir uma menor perda de energia no processo de carregamento e foram adicionadas novas funcionalidades que melhoram o seu rendimento tais como a recuperação em cortes de fornecimento, ou a captura de energia a níveis de tensão baixos ou em dias nublados.

Para conseguir isso, a EDPR instalou um sistema de conversão de energia inovador que permite a ligação de painéis fotovoltaicos e de baterias de corrente contínua com um transformador a corrente alternada (CA), juntamente com uma bateria de iões de lítio, bem como um dispositivo que permite um controlo total do sistema.

A inovação técnica para uma maior produção e um melhor aproveitamento dos recursos é uma constante na EDPR, que trabalha e investe através deste e de outros projetos pioneiros no mundo para continuar a comandar a vanguarda do sector da geração de energia limpa.